Em defesa da greve

Artigo de Ismail X, Socialismo Revolucionário Lisboa. A classe trabalhadora em Portugal levantou em 2018 a maior onda de greves desde 2013. E apesar de a maioria destas paralisações se dar em sectores da função pública — como os professores, os enfermeiros e tantas outras profissões do sector da saúde ou os bombeiros —, as…

Para combater a violência machista, greve feminista!

Fábio Ruiz, Socialismo Revolucionário Lisboa, artigo d’A Centelha nº 16 No passado mês de Setembro foi divulgada ao público a decisão do tribunal de Vila Nova de Gaia (confirmada num acórdão do Tribunal da Relação do Porto) de condenar os dois violadores de uma mulher de 26 anos, que se encontrava inconsciente na casa de…

O fascismo e como derrotá-lo

João Gorizia, Socialismo Revolucionário Lisboa, artigo d’A Centelha nº 16 A principal arma contra o fascismo é a luta de massas pelo socialismo O capitalismo em crise Com a derrota dos últimos regimes fascistas na Europa e o colapso da União Soviética a democracia burguesa proclamou o seu triunfo eterno sobre as restantes formas de…

Orçamento do Estado 2019: o preço da capitulação

Editorial d’A Centelha nº 16 Há um ano atrás analisávamos o Orçamento do Estado (OE) de 2018 e alertávamos para o preço da desmobilização, o preço pago pelos trabalhadores dada a política de paz social levada a cabo pelas direcções reformistas das principais organizações dos trabalhadores: BE, PCP e CGTP. No final de um ano,…