O que é que conseguiram no G8?


Os Socialistas Revolucionários
necessitam de construir uma poderosa alternativa ao capitalismo

Sarah Sachs-Eldridge, participante nos protestos contra a Cimeira do G8 e militante do CIT

O Nero que tocava harpa enquanto Roma ardia vem à memória num momento em que os EUA enfrentam a maior seca desde a Grande Depressão, em 1929, e Bush assume a estratégia de recusar assumir um compromisso concreto para a redução da emissão de carbono. Mesmo as estrelas do rock activistas, com Bono Vox e Bob Geldof não ficaram impressionados com esta Cimeira do G8 – foi mesmo má!


O acordo sobre a mudança climática foi descrito pelo The Guardian (de Londres) como tendo mais buracos que o campo de golfe. Mesmo antes da reunião começar, Bush desvaneceu qualquer esperança quando tornou claro que não iria apoiar nenhuma proposta específica para enfrentar a mundaça climática com receio de prejudicar a economia dos EUA.
14 dos 25 países onde a Organização Mundial do Comércio gere programas contra a pobreza viram o seu PIB ou manter-se ou mesmo cair. Contudo, as promessas do G8 de 2007 para a erradicação da pobreza significaram apenas mais 3 mil milhões de dólares suplementares por ano. Compare-se como o milhão de biliões de dólares gastos em armamento em 2005!
A maioria dos países do G8 não estão sequer virados para cumprir a meta com que se comprometeram em 2005. Para as massas pobres da Zâmbia, o compromisso de Gleneagles, Escócia poderia ter significado um aumento de 1/3 do Orçamento De Estado nacional. Mas isso não se realizou. E em consequência, o sistema nacional de saúde está em colapso, com um médico para 14.000 pessoas, em comparação com 1 médico para 600 pessoas no Reino Unido.
A Cimeira do G8 em Gleneagles prometeu o acesso universal ao tratamento da SIDA/HIV antes do fim da década. A declaração da Cimeira deste ano reinterou essa promessa mas refere-se a 5 milhões de doentes apesar do número geralmente aceite ser de 10 milhões de infectados. Este documento significa claramente um recuo em relação à promessa anterior.
Mandato do Grande Capital

Os líderes do G8 foram forçados a pronunciar-se sobre estes temas por causa da pressão dos cidadãos que estão horrorizados com a pobreza, privação e sofrimento que existe no mundo.
Fundamentalmente, o mandato de Bush e Companhia vem do grande capital. O seu trabalho é defender os lucros do Capital e defender as ideias do comércio livre, das privatizações de da desregulação laboral e social.

Cerca de 15,000 polícias foram mobilizados, vindos de toda a Alemanha, para defender a Cimeira. Apesar da enorme quantidade de armas e equipamentos, a políca não foi capaz de evitar os cortes de estradas efectuados por activistas e manifestantes determinados em atrasar o ínicio da Cimeira ou de evitar as manifestações que tiveram lugar.

É uma pequena mas histórica vitória para o movimento anti-capitalista. Contudo, queremos mais do que apenas atrasar reuniões. Os protestos seriam mais eficientes se levantassem questões sobre como os líderes do G8 podem ser retardados premanentemente, como lidar com a repressão de estado e o que é que pode substituir o G8 e o seu sistema económico e social. Essas questões e outras surgiram nos eventos contra a Cimeira do G8.


Os Socialistas Revolucionários do Comité por uma Internacional dos Trabalhadores (CIT) defenderam a necessidade para o movimento anti-globalização de forjar pontes e laços com o movimento dos trabalhadores e com a luta operária e laboral internacionalmente para a transformação da sociedade numa perspectiva socialista.

Muitos jovens que estiveram em Rostock na última semana queriam discutir essas ideias. Infelizmente, os sindicatos não mobilizaram para este evento. Mas as lutas que se estão a travar na África do Sul, na América Latina e por todo o lado, irão mostrar o seu papel e um aumento de tais lutas irá fazer as ideias que propomos mais concretas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s