Stop à Segunda Guerra do Líbano!

Socialistas revolucionários israelitas contra a guerra


O seguinte folheto foi traduzido da tradução inglesa com base no original em hebreu. Foi editado para lutar contra os planos de Guerra do governo do Olmert e exigir o fim da guerra e da ocupação da Palestina por militantes do Maavak Sozialisti (Luta Socialista), a organização em Israel filiada no CIT.

Originalmente publicado em socialistworld.net


‘Os políticos e generais estão a arrastar-nos para um atoleiro’

Maavak Sozialisti, CIT em Israel

A corrente Guerra não procura assegurar a libertação dos soldados capturados ou trazer a segurança aos colonatos do norte. Os generais e políticos não podem tolerar os danos provocados no seu prestígio pelos ataques onde foram mortos e capturados soldados em Keren Shalom e na fronteira do norte e, por essa razão estão a enviar soldados regulares para combate e a dizer a mais de um milhão de trabalhadores e às suas famílias que ‘aguentem os golpes calmamente’.

Os corajosos políticos e generais estão preparados para lutar até à última gota de sangue – não do seu próprio sangue mas o sangue de milhares de pessoas comuns, quer de Israel quer do Líbano…

Os políticos dizem-nos que os bombardeamentos aéreos irão “esmagar o Hezbollah”, e que isso irá fazer centenas de milhares de refugiados que irão pressionar o governo libanês que irá forçar o Hezbollah a render-se.
Nada disso acontecerá. Os bombardeamentos massivos atingiram mais os trabalhadores que atingiram o Hezbollah – que está a empurrar o exército [israelita] para a armadilha que montou no sul do Líbano.
E agora, depois de nos terem prometido que não haveria necessidade de uma invasão terrestre e da reocupação do sul do Líbano, os políticos e generais estão a mandar os soldados comuns a fazer exactamente isso.
Ao mesmo tempo, no norte, os cantoneiros de limpeza em Nahareeya estão a ser forçados a continuar a limpar ruas desertas – caso contrário serão despedidos e perderão os seus magros salários.
Os fogos causados pelos rockets são extintos por bombeiros que não recebem os seus salários há dois meses. Centenas de milhares de moradores do norte perceberam que o governo é incapaz de os defender e vieram para o sul – e as pessoas que ficaram são as que não têm familiares que os possam alojar no centro do país e que não têm dinheiro para hotéis, por outras palavras, trabalhadores e pobres. O governo não se preocupa com os residentes do norte, nem com os que de lá saíram, nem com os que lá ficaram.
O sistema capitalista que em tempos normais é incapaz de nos garantir uma vida decente, saúde, educação adequada e habitação condigna, é também incapaz de garantir segurança e está a conduzir-nos a novos atoleiros em Gaza, na Margem Ocidental e no Líbano.
Os capitalistas que lucraram com as privatizações e o [recente] crescimento económico, serão também compensados pelas suas percas com a Guerra e nós seremos forçados a pagar o preço em sangue e pobreza.
Apenas nós, milhões de operários e demais trabalhadores podemos pôr cobro a isto, numa campanha de massas de manifestações e greves

  • Luta de massas dos trabalhadores e jovens israelitas para parar os bombardeamentos no Líbano e pela retirada do Exército do Líbano, Gaza e Margem Ocidental.
  • Financiamento estatal temporário para habitação dos trabalhadores que foram forçados a abandonar as suas casas.
  • Pagamento imediato de todos os salários que têm sido suspensos. Pagamento dos salários em Proibição dos despedimentos.
  • O custo da guerra não deve ser pago pelos trabalhadores. Não aos cortes nos orçamentos sociais.
  • Pela construção de um partido de massas dos trabalhadores, armado com um programa socialista, a única alternativa ao sistema capitalista que cria as guerras e a pobreza.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s